• Segunda-feira, 18 de outubro de 2021
  • Receba nossos relatórios diários e gratuitos
Scot Consultoria

Boi gordo com preços sustentados na maioria das praças pecuárias


Segunda-feira, 30 de setembro de 2019 - 06h00

Foto: Scot Consultoria


A dificuldade de encontrar a matéria-prima está enxugando as programações de abate, principalmente em Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Goiás e Pará. 


Em Belo Horizonte e Sul de Minas Gerais, na última sexta-feira (27/9), houve valorização de R$1,00/@ em ambas as praças. Desde o início da semana, o boi gordo valorizou 1,2% na média das duas regiões. 


Em Mato Grosso do Sul, alguns frigoríficos estavam fora das compras, já que, com a oferta curta, as compras seriam mínimas na sexta-feira. Na região de Dourados-MS e Três Lagoas-MS, o boi gordo ficou cotado em R$150,50/@ e R$149,00/@, respectivamente, a prazo, livre de Funrural, alta de 0,3% na comparação dia a dia. 


No Pará as programações de abate atendem, em média, três dias. Consequentemente, os preços subiram 0,3% nas regiões de Redenção e Paragominas. 


Análise originalmente publicada no informativo Tem Boi na Linha de 27/9/2019.




Dia 25 de novembro acontecerá o Encontro de Analistas da Scot Consultoria, um evento em que grandes especialistas discutirão as principais tendências econômicas e seus reflexos no mercado do boi gordo. Entre em contato conosco pelo WhatsApp 17 98171 2100 e faça sua inscrição. Vagas limitadas.



<< Notícia Anterior Próxima Notícia >>

Buscar

Newsletter diária

Receba nossos relatórios diários e gratuitos


Loja

Facebook