• Sábado, 19 de outubro de 2019
  • Receba nossos relatórios diários e gratuitos
Scot Consultoria

Marfrig confirma venda da Seara Brasil e Zenda para JBS


Segunda-feira, 10 de junho de 2013 - 09h34

A Marfrig confirmou a venda das subsdiárias Seara Brasil e Zenda para JBS. O valor da operação foi fixado em R$ 5,85 bilhões e será pago por meio da assunção de dívidas da Marfrig pela JBS.


"A celebração do contrato tem, por um lado, o objetivo de reequilibrar a estrutura de capital da Marfrig e reforçar seu foco no Brasil na área de carne bovina, de distribuição e o redirecionamento estratégico ao segmento de food service e acelerar o crescimento de sua plataforma internacional, ao passo que a JBS, por outro lado, cria já de início a segunda maior plataforma de carnes processadas no país, abre grande espaço para captura de sinergias e está alinhada com a estratégia de agregação de valor e construção de marcas da JBS. Ambas as empresas, com isto, buscam gerar valor para seus acionistas", diz o fato.


Com endividamento bruto de R$13,00 bilhões, a Marfrig busca obter recursos para reduzir suas dívidas.


Em abril, em entrevista ao Valor, o presidente da Seara Foods e futuro CEO da Marfrig, Sérgio Rial, admitiu que a empresa teria de vender ativos para reduzir suas dívidas e alavancagem.


Em maio, na divulgação do resultado do primeiro trimestre, Rial anunciou um plano de reestruturação da companhia, que previa a venda de três unidades da Seara e o fechamento de dois abatedouros de bovinos na Argentina.


Na ocasião, fontes do setor avaliaram que a venda dessas unidades não seria suficiente para reduzir de forma significativa o endividamento e que a venda de outros ativos mais valiosos seria necessária para atingir o objetivo. Ainda assim, o plano de reestruturação da Marfrig foi bem recebido pelo mercado e as ações da companhia viram alguma recuperação no mês de maio.


A JBS negou, na divulgação de seus resultados do no primeiro trimestre no mês passado, que mantivesse negociações com a Marfrig. Mas é fato que a companhia da família Batista nunca escondeu seu interesse em crescer no mercado de aves no Brasil, no qual ingressou no ano passado, com o arrendamento (com opção de compra) das unidades da francesa Doux Frangosul. Com essas unidades, a JBS atende, principalmente, ao mercado externo, com frango inteiro e cortes, considerados commodities.


Com a Seara, a JBS ampliará sua operação com produtos industrializados de aves e suínos. As companhias vão fazer teleconferências nesta manhã para dar mais detalhes sobre a operação.


Fonte: Valor Econômico. Por Fernanda Pressinott. 10 de junho de 2013.



<< Notícia Anterior Próxima Notícia >>

Buscar
Scot - Facebook Leite
 
Scot - Facebook Scot - Twitter Scot - Youtube Scot - Instagram Scot - Rss Scot - Linkedin

Newsletter diária

Receba nossos relatórios diários e gratuitos



TV Scot

Podcasts



Loja

Facebook





  • Copyright 2019, Scot Consultoria, Rua Coronel Conrado Caldeira, 578 • Bebedouro - SP - Brasil - 14701-000 | +55 17 3343 5111