• Domingo, 14 de julho de 2024
  • Receba nossos relatórios diários e gratuitos
Scot Consultoria

Queda no poder de compra do pecuarista frente ao farelo de soja


Quinta-feira, 4 de junho de 2020 - 05h50

Foto: Scot Consultoria


No embalo da soja grão, o preço do farelo de soja subiu fortemente ao longo de 2020, mas se mostrou mais frouxo na segunda quinzena de maio, com a queda do dólar.


Segundo levantamento da Scot Consultoria, em São Paulo, a tonelada ficou cotada, em média, em R$1.779,57 na segunda metade de maio, com negócios sendo realizados acima de R$2 mil por tonelada no estado.


Na comparação com maio do ano passado, o farelo está custando 37,4% mais este ano.


Considerando a praça de São Paulo, atualmente são necessárias 9,2 arrobas de boi gordo para a compra de uma tonelada de farelo de soja


O poder de compra do pecuarista frente ao insumo vem piorando desde o início do ano, com as fortes altas do farelo de soja e os preços do boi gordo andando de lado ou com altas menores nos preços.


Em relação a maio de 2019, a relação de troca piorou 10,6%, o equivalente a quase uma arroba a mais para a compra da mesma quantidade de farelo.


No curto prazo, o câmbio terá papel fundamental na precificação da soja e do farelo de soja no mercado brasileiro, em reais.


Análise originalmente publicada no informativo Boi & Companhia edição 1393.



<< Notícia Anterior Próxima Notícia >>

Buscar

Newsletter diária

Receba nossos relatórios diários e gratuitos


Loja