• Quinta-feira, 14 de novembro de 2019
  • Receba nossos relatórios diários e gratuitos
Scot Consultoria

Preço do leite pago ao produtor recuou no pagamento de outubro


Terça-feira, 5 de novembro de 2019 - 07h00

Foto: pixabay.com


O mercado do leite registrou quedas ao produtor no pagamento realizado em outubro (produção de setembro), depois do cenário mais firme no mês anterior. 


Considerando a média nacional dos dezoito estados pesquisados pela Scot Consultoria, o recuo foi de 0,6% e o produtor recebeu, em média, R$1,193 por litro, sem o frete, considerando o leite padrão. 


O preço médio com bonificações por qualidade ficou em R$1,565 por litro, queda de 0,8%, em relação ao pagamento anterior, conforme apresentamos na figura 1.


Figura 1.
Cotação média nacional ponderada do leite ao produtor - em R$/litro, valores nominais.
 
Fonte: Scot Consultoria – www.scotconsultoria.com.br 


Destacamos a pressão de baixa no mercado interno com a oferta de leite maior nos últimos meses, entretanto, as quedas verificadas nos preços pagos aos produtores têm sido mais amenas, frente à média histórica para o período. 


Isto porque, os incrementos na produção têm sido menores, devido aos atraso na chuvas que afetaram a retomada do capim e também em função dos cortes na alimentação por parte de alguns produtores, com as quedas no preço do leite, que afetam a produção e mantém certa concorrência entre as indústrias. 


Segundo o Índice de Captação da Scot Consultoria, em setembro o volume captado (média nacional) aumentou 0,7% e os dados parciais de outubro apontam para incremento de 1,5% na comparação mensal.


Para uma comparação, em outubro de 2018, a produção nacional cresceu 3,9%, segundo o indicador. 


Para o pagamento a ser realizado em novembro/19, que remunera a produção entregue em outubro, 67% dos laticínios pesquisados pela Scot Consultoria acreditam em manutenção das cotações, 23% falam em queda e os 10% restantes estimam alta (todos na região Nordeste). 


Ou seja, uma parcela grande das indústrias estima um cenário ainda concorrido pela matéria-prima em curto prazo, o que poderá limitar as quedas no preço do leite ao produtor ou até mesmo trabalhar em um ambiente mais estável no pagamento seguinte. 


Vai depender de como virá a produção daqui para a frente e também como reagirá a demanda em novembro. 


Para o pagamento de dezembro (produção de novembro) aumentou o número de laticínios estimando queda no preço do leite, mas ainda assim muitas indústrias não descartam um cenário de manutenção. 


Somente no Nordeste são esperados reajustes positivos para o produtor nos próximos dois pagamentos.


Para saber mais sobre o mercado de leite, custos de produção, clima, preços dos lácteos no atacado e varejo e expectativas para a cadeia assine o Relatório de Mercado de Leite da Scot Consultoria. Mais informações em: https://www.scotconsultoria.com.br/loja/relatorios/59/relatorio-do-mercado-de-leite-da-scot-consultoria 


A Scot Consultoria também realiza palestras e treinamentos de mercado na área de pecuária de leite. Saiba mais em: https://www.scotconsultoria.com.br/servicos-scot/ . 


Quer ficar por dentro das últimas notícias do mercado de leite? Acesse o Facebook da Scot Consultoria: https://www.facebook.com/ScotConsultoriaLeite/?fref=ts .



<< Notícia Anterior Próxima Notícia >>

Buscar
Scot - Facebook Leite
 
Scot - Facebook Scot - Twitter Scot - Youtube Scot - Instagram Scot - Rss Scot - Linkedin

Newsletter diária

Receba nossos relatórios diários e gratuitos



TV Scot

Podcasts



Loja

Facebook





  • Copyright 2019, Scot Consultoria, Rua Coronel Conrado Caldeira, 578 • Bebedouro - SP - Brasil - 14701-000 | +55 17 3343 5111