• Quarta-feira, 1 de dezembro de 2021
  • Receba nossos relatórios diários e gratuitos
Scot Consultoria

Analista aponta resultados das exportações de carne suína em julho como o segundo melhor do ano


Segunda-feira, 2 de agosto de 2021 - 17h00

De acordo com informações da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do Governo Federal, divulgadas nesta segunda-feira (2), as exportações de carne suína fresca, congelada ou resfriada no mês de julho teve bom desempenho, segundo analista, mesmo com preocupações sobre o mercado chinês.


"Foi um ritmo bem firme, mesmo com toda a "preocupação" voltada à China e as notícias sobre o plantel suíno ter sido recomposto. Não vejo essa questão da queda no comparativo mensal como um ponto negativo. A questão da peste suína africana identificada na Europa, em rebanhos comerciais, e as preocupações ainda com a doença na China seguem favorecendo nossos embarques", disse.


Outro ponto ressaltado por Fabbri é de que os preços da carne suína no mercado chinês caíram durante todo o primeiro semestre, com um aumento de oferta (talvez por venda precoce dos animais, com preocupações sobre a PSA, ou pelo real aumento da oferta e retomada do plantel), mas nas últimas semanas houve uma retomada dos preços na China. "Sendo assim, não temos uma realidade sobre a situação por lá, e, esse aumento de preços sustenta os embarques para o país". 


A receita obtida com as exportações de carne suína neste mês, US$ 231.885.141, superou em 21% o montante obtido em todo julho de 2020, que foi de US$ 191.570.479. No caso do volume embarcado, as 92.844,312 toneladas são 2,8% a mais do que total exportado em julho do ano passado, quantia de 90.246,755 toneladas. 


O faturamento por média diária na última semana do mês foi de US$ 10.540.233 quantia 26,55% maior do que julho de 2020. No comparativo com a semana anterior, houve avanço de 6,49%.


No caso das toneladas por média diária, foram 4.220,196, houve alta de 7,55% no comparativo com o mesmo mês de 2020. Quando comparado ao resultado no quesito da semana anterior, observa-se ampliação de 7,33%.


Já o preço pago por tonelada, US$ 2.497,569 neste mês de julho, é 17,66% superior ao praticado em julho passado. O resultado, frente ao valor atingido na semana anterior, representa ligeira baixa de 0,77%.


Matéria originalmente publicada em: Analista aponta resultados das exportações de carne suína em julho como o segundo melhor do ano



<< Notícia Anterior Próxima Notícia >>

Buscar

Newsletter diária

Receba nossos relatórios diários e gratuitos


Loja

Facebook