• Sábado, 25 de junho de 2022
  • Receba nossos relatórios diários e gratuitos
Scot Consultoria

Após sucessivas altas, cotações do boi gordo registram queda


Sábado, 26 de novembro de 2011 - 15h11

Segundo a Scot Consultoria, oferta deu sinais de melhora em alguns Estados O mercado do boi gordo, que vinha com sucessivas valorizações, perdeu a força. Segundo a Scot Consultoria, são muitas as tentativas de compra abaixo da referência. A oferta deu sinais de melhora em alguns Estados, o que, somado à redução sazonal nas vendas de carne, leva à pressão por recuos nas cotações. Mato Grosso do Sul, Rondônia e Tocantins são os Estados onde se compra com mais facilidade. Com o aumento de oferta nas praças sul-matogrossenses os compradores paulistas que ali atuam dificilmente ofertam mais que R$103,00 a arroba, à vista, em São Paulo. Os frigoríficos de menor porte ofertam valores maiores. Minas Gerais é um dos estados onde ainda há grande dificuldade para encontrar boiadas terminadas. Em Goiás, o maior confinador do país, ainda é possível comprar animais de cocho, embora a oferta no estado também não seja grande. No mercado atacadista de carne bovina, as peças com osso, que possuem maior liquidez, estão em queda. Já os cortes sem osso continuam com mercado firme, pressionados ainda pelos preços da arroba e pela perspectiva de aumento nas vendas no final do ano. A próxima semana, a última do mês, geralmente é marcada pelo aumento nas vendas de carne, já que os varejistas se abastecem aguardando o pagamento de salários, fator que deve conferir fôlego à arroba.] Fonte: Portal do Agronegócio. 26 de novembro de 2011.
<< Notícia Anterior Próxima Notícia >>
Buscar

Newsletter diária

Receba nossos relatórios diários e gratuitos


Loja

Facebook