• Sexta-feira, 19 de agosto de 2022
  • Receba nossos relatórios diários e gratuitos
Scot Consultoria

Carne bovina: Cotação segue em patamares elevados em SP


Quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011 - 17h28

Demanda ainda é fraca, mas preços ganham sustentação. De acordo com o Cepea, Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada, da Esalq/USP, a carne bovina negociada na Grande São Paulo continua em patamares bastante elevados. O preço médio da carcaça casada de boi ficou em R$6,45/kg no início de fevereiro. O valor é 120% maior que a média de preço da carne de frango, R$2,94/kg, e 63,3% acima do valor médio do quilo da carne suína, que está em R$3,95. Apesar do preço elevado, relatório da Scot Consultoria mostra que o movimento de baixa do atacado de carne bovina sem osso, chegou ao fim. Segundo analistas da consultoria, o aquecimento na demanda por cortes de dianteiro e a pouca disponibilidade de animais para abate, que obriga os frigoríficos a pagarem um pouco mais pela arroba, e impede um recuo no preço das peças no atacado, tem sustentado o mercado. Entre 2 e 9 de fevereiro, o Indicador do boi gordo ESALQ/BM&FBovespa acumulou alta de 2,2%, fechando a R$104,41 na quarta-feira, 9. Fonte: DBO. 10 de fevereiro de 2011.
<< Notícia Anterior Próxima Notícia >>
Buscar

Newsletter diária

Receba nossos relatórios diários e gratuitos


Loja

Facebook