• Domingo, 14 de agosto de 2022
  • Receba nossos relatórios diários e gratuitos
Scot Consultoria

Encontro de Analistas da Scot Consultoria

Entrevista com o diretor de marketing, Eduardo Alcides Arruda de Moura Torres

Quarta-feira, 3 de novembro de 2021 - 18h20
-A +A

Eduardo é graduado em Desenho Industrial pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, Eduardo Torres realizou MBA em Gestão de Negócios pela Universidade de São Paulo (Esalq) e atualmente é diretor de marketing da Bela Magrela e da Scot Consultoria.

Foto: Scot Consultoria


Graduado em Desenho Industrial pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, Eduardo Torres realizou MBA em Gestão de Negócios pela Universidade de São Paulo (Esalq) e atualmente é diretor de marketing da Bela Magrela e da Scot Consultoria.

Scot Consultoria: O evento promete aliviar as incertezas frente ao que vem por aí, em 2022. Diante disso, qual a relevância do EA para os profissionais do setor?

Eduardo Torres: O conceito de ansiedade ou insegurança econômica, é o estado de preocupação com o futuro das perspectivas econômicas. Esse processo ocorre quando a ideia de uma situação é considerada altamente ameaçadora, desagradável e duvidosa, motivando os indivíduos e negócios a ficarem longe da insegurança, em busca de um ambiente seguro.

Nesse contexto, o Encontro de Analistas da Scot Consultoria é estrategicamente realizado em um período de transição, onde o ano agrícola já está em curso e o planejamento para o próximo ciclo passa por prova.

O evento se apresenta como um momento de reflexão e análise a respeito das expectativas para o próximo ano, entendimento das mudanças que estão por vir e que impactarão diretamente as operações do mercado pecuário.

Participar do evento é uma ótima oportunidade para escutar atentamente as considerações de renomados profissionais e especialistas do setor, aproveitar para revisar ou confirmar o planejamento para o curto e médio prazo e reduzir o sentimento de incerteza.

Scot Consultoria: Tradicionalmente o Encontro de Analistas da Scot Consultoria é dividido em 2 blocos: macroeconomia e mercado do boi. Fale um poco sobre essa divisão e sobre as pautas que serão abordadas em cada um desses blocos.

Eduardo Torres: A ideia é criar um contexto instigante e produtivo, que fomente discussões relevantes, para que o público tenha tempo hábil para traçar ou ajustar as estratégias para o próximo ano.

A união dos dois temas desenha o que vem pela frente, antecipando as tendências político-econômicas do mercado doméstico e internacional e seus possíveis impactos na cadeia de produção de carne bovina.

Munido dessas informações, o participante conseguirá enxergar os principais pontos de atenção para o próximo ano e balizar as suas tomadas de decisão.

As mesas são compostas por profissionais de destaque em diversos elos do agronegócio, como diretores de empresas, associações, instituições financeiras, consultores, corretoras e órgãos públicos.

Contaremos com a expertise de profissionais de peso para discutir macroeconomia, como Pedro Parente, presidente da BRF, Rogério Boueri Miranda, sub-secretário de políticas agrícolas do Ministério da Economia, André Perfeito, economista-chefe da Necton, Sergio De Zen, diretor de política agrícola e informações da CONAB - Compania Nacional de Abastecimento, com a moderação de Lilian Munhoz, apresentadora da TV Terra Viva.

Para compor a mesa do mercado do boi gordo teremos a moderação de Alcides Torres, diretor da Scot Consultoria, Hyberville Neto, analista de mercado e consultor da Scot Consultoria, Guilherme Bellotti, gerente de consultoria agro do Itaú BBA, Leonardo Alencar, responsável pelos setores de Agro, Alimentos & Bebidas no Research da XP, Ricardo Santin, presidente da Associação Brasileira de Proteína Animal e Rogério Goulart, editor-chefe da Carta Pecuária e Pecuarista.

Scot Consultoria: No seu ponto de vista, quais as principais mudanças no evento ao longo desses anos? O que mudou do primeiro EA para o último?

Eduardo Torres: O Encontro de Analistas da Scot Consultoria teve início em 2010. Sua primeira temática carregava a mensagem “o primeiro ano de uma nova década”, debutava com um ar otimista para a atividade. Hoje, 10 anos depois, em um novo primeiro ano de uma outra nova década, mantém sua essência original, a de clarear os cenários para a tomada de decisão.

Trata-se de um evento objetivo, direcionado a um público seleto. O debate e a livre troca de opiniões e informações é o que fazem do EA um evento único.

Para assegurar essa condição aos participantes, mantemos o acesso limitado. No modelo presencial, apenas 200 cadeiras são disponibilizadas, garantindo aos presentes a possibilidade de relacionamento com o público de alto nível e acesso aos especialistas convidados.

A grande transformação experimentada ao longo desses 10 anos veio por consequência do cenário pandêmico vivido no ano de 2020, quando introduzimos a possibilidade de participação remota, expandindo o acesso ao conteúdo à produtores de diversas regiões do país.

O modelo foi bem aceito e por isso decidimos manter o formato para as próximas edições.

Scot Consultoria: Quais as principais diferenças entre o evento presencial e digital?

Eduardo Torres: Do ponto de vista do acesso ao conteúdo e ao debate, nenhuma.

No modelo presencial, é possível viver a experiência completa em um ambiente preparado com carinho para receber os participantes, que estimula a integração e o relacionamento entre os presentes, que representam os diversos elos da cadeia pecuária.

Já, quem optar por assistir ao evento de forma digital, terá a possibilidade de fazê-lo no conforto de sua casa, propriedade ou escritório.

Na edição anterior, vimos casos de equipes inteiras ou mesmo famílias, reunidas para assistir, juntos, às temáticas abordadas, o que também é muito produtivo.

Acredito que o ponto mais importante da diversificação do formato é possibilitar aos produtores rurais o acesso à informação de qualidade, estejam eles onde estiverem.

Scot Consultoria: Eduardo, quando e onde será realizado o Encontro de Analistas da Scot Consultoria 2021 e por onde devo realizar a inscrição?

Eduardo Torres: O Encontro acontece no dia 25 de novembro, das 8h às 14h horas, em São Paulo, no Espaço Villa Bisutti, para os participantes presenciais.

A transmissão será realizada em tempo real, dessa forma, os participantes que optarem pelo formato digital ficam completamente integrados ao evento, do início ao fim.

As inscrições podem ser feitas pelo site oficial do evento.

Convido a todos para conhecer melhor os participantes e saber um pouco mais sobre as temáticas.

Todas essas informações também estão disponíveis no site: https://www.encontrodeanalistas.com.br/


<< Notícia Anterior Próxima Notícia >>
Buscar

Newsletter diária

Receba nossos relatórios diários e gratuitos


Loja

Facebook