• Quarta-feira, 29 de junho de 2022
  • Receba nossos relatórios diários e gratuitos
Scot Consultoria

Movimento de queda chega ao fim


Quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011 - 16h34

Estabilidade no mercado atacadista de carne bovina sem osso de São Paulo. Apesar do movimento de queda, que vinha desde o início do ano, ter se encerrado, a demanda avançou pouco, a não ser para os cortes de dianteiro, que são escoados mais facilmente. Quando se considera somente esses produtos, a valorização chega a 4%. Em contrapartida, os cortes tipo grill, como contra filé, alcatra, picanha e maminha, que apresentam maior valor de mercado, estão menos procurados e com preços em queda. Veja tabela ao lado. No varejo, sob forte influencia dos cortes de traseiro, houve queda de 1%, em média, nos preços em todas as praças pesquisadas. O esperado, no entanto, era que com a população mais capitalizada no início do mês, as vendas de carnes de traseiro, atreladas à renda, aumentassem.
<< Notícia Anterior Próxima Notícia >>

Buscar

Newsletter diária

Receba nossos relatórios diários e gratuitos


Loja

Facebook