• Domingo, 24 de outubro de 2021
  • Receba nossos relatórios diários e gratuitos
Scot Consultoria

Boi gordo: frigoríficos sem apetite para compras


Sexta-feira, 24 de setembro de 2021 - 06h00

Foto: Scot Consultoria


A manhã da última quinta-feira (23/9) foi de poucos negócios no mercado do boi gordo nas praças paulistas, com indústrias fora das compras aguardando o retorno das exportações. O consumo interno de carne bovina patinando contribui com este cenário.


Na comparação feita dia a dia, as cotações do boi gordo e da novilha gorda permaneceram estáveis, mas a da vaca gorda caiu R$2,00/@ no estado.


Assim, segundo levantamento da Scot Consultoria, em São Paulo, o boi gordo foi negociado em R$302,00/@, a vaca gorda em R$281,00/@ e a novilha gorda em R$299,00/@, preços brutos e a prazo.


No Espírito Santo, em função da demanda fraca, as indústrias têm comprado menos boiadas e algumas estão abatendo em dias alternados. Na comparação feita dia a dia, a cotação da novilha gorda caiu R$1,00/@. A do boi e vaca gordos ficou estável.


A referência para o boi gordo ficou em R$297,00/@, da vaca gorda em R$290,00/@ e da novilha gorda em R$300,00/@, preços brutos e a prazo (23/9).


Análise originalmente publicada no informativo Tem Boi na Linha de 23/9/2021.


 




Dia 25 de novembro acontecerá o Encontro de Analistas da Scot Consultoria, um evento em que grandes especialistas discutirão as principais tendências econômicas e seus reflexos no mercado do boi gordo. Faça sua inscrição no portal encontrodeanalistas.com.br. Vagas limitadas.



<< Notícia Anterior Próxima Notícia >>

Buscar

Newsletter diária

Receba nossos relatórios diários e gratuitos


Loja

Facebook