• Segunda-feira, 15 de julho de 2024
  • Receba nossos relatórios diários e gratuitos
Scot Consultoria

Pode faltar semente de soja no Mato Grosso


Terça-feira, 6 de setembro de 2005 - 13h32

De acordo com a Associação dos Produtores de Sementes do Mato Grosso (Aprosmat) o Estado pode sofrer problemas de desabastecimento de sementes de soja para o próximo ano. A crise afeta a agricultura em todos os seus aspectos. Os produtores de sementes estão recebendo menos que o esperado pelas sementes já vendidas e podem ser obrigados a vendê-las como grão para quitar dívidas e continuar o negócio. De acordo com a Aprosmat o recebimento das vendas de sementes em agosto ficou bem abaixo do previsto, o que pode comprovar a tendência de diminuição do volume de sementes ofertadas, implicando em redução de safra. Setembro será um mês decisivo para o setor na região. Além da intenção de plantio de soja para a próxima safra ter diminuído, pelo desestímulo com a atividade, a falta de sementes pode intensificar ainda mais o processo, reduzindo drasticamente a área plantada com o grão na região. O que poderá levar a problemas de abastecimento nacional, já que o Mato Grosso foi responsável por cerca de 33,60% do total produzido na última safra. A definição do plantio para a próxima safra deverá ficar mais clara após a renegociação das dívidas e liberação de crédito, a fim de amenizar os problemas dos agricultores. (MGT)
<< Notícia Anterior Próxima Notícia >>
Buscar

Newsletter diária

Receba nossos relatórios diários e gratuitos


Loja