• Sábado, 2 de julho de 2022
  • Receba nossos relatórios diários e gratuitos
Scot Consultoria

Volume de leite em pó importado já supera 2010


Quarta-feira, 21 de setembro de 2011 - 15h27

Neste ano, Brasil adquiriu 7 mil toneladas do produto, em média, por mês O Brasil importou 56 mil toneladas de leite em pó de janeiro a agosto deste ano, 7,5% a mais que todo o volume importado em 2010. Apenas no mês de agosto, foram adquiridas 5,6 mil toneladas. “A média de importação de leite pó em 2011 tem sido de 7 mil toneladas por mês”, informa Rafael Ribeiro, da Scot Consultoria. O produto é um dos destaques da aquisição de lácteos pelo Brasil, que custou US$49,9 milhões no mês passado. O incremento é de 15,7% na comparação com o desempenho de julho. Os países que mais exportaram para o Brasil em agosto de 2011 foram a Argentina, com US$34,2 milhões, o Uruguai, com US$9,5 milhões, e o Chile, com US$2,6 milhões. A Argentina embarca para o Brasil 4 mil toneladas mensais, em média. Já o Uruguai exporta 2,39 mil toneladas de leite em pó por mês para o mercado brasileiro. O aumento da demanda por produtos lácteos dos países do Mercosul é reflexo da forte demanda interna no Brasil, avalia Ribeiro. Segundo ele, outro fator que contribui para as importações é a cotação do produto importado, que está abaixo do preço observado no mercado nacional. Levantamento da Bigma Consultoria mostra que o importador brasileiro paga entre US$3,9 mil e US$4,2 mil (FOB) a tonelada do leite em pó proveniente dos países do Mercosul. O valor é 60% mais baixo que a cotação da tonelada do produto no mercado interno, que sai por US$6,7 mil. De acordo com a consultoria, fatores como a valorização do real, a forte demanda no mercado interno e uma produção insuficiente para suprir tanto o mercado interno como o externo, fazem do produto brasileiro o mais caro entre os concorrentes. A tonelada do leite em pó na Oceania, por exemplo, vale US$3,18 mil e no Oeste Europeu, US$3,91 mil. Fonte: DBO. Por Monica Costa. 21 de setembro de 2011.
<< Notícia Anterior Próxima Notícia >>
Buscar

Newsletter diária

Receba nossos relatórios diários e gratuitos


Loja

Facebook