• Quinta-feira, 30 de junho de 2022
  • Receba nossos relatórios diários e gratuitos
Scot Consultoria

Oferta de confinados é superior


Quinta-feira, 15 de setembro de 2011 - 09h55

Volume de boi confinado aumentou em setembro e mercado perdeu sustentação O Indicador do boi gordo ESALQ/BM&FBovespa fechou a R$99,45 nesta quinta-feira, 14, acumulando queda de 1,66% no mês. Segundo pesquisadores do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada, (Cepea), a falta de sustentação nos preços do boi gordo em setembro confirma que a oferta de confinamentos está um pouco maior que nos meses anteriores. Dados da Scot Consultoria mostram que, graças aos animais confinados, alguns frigoríficos de grande porte estão conseguindo estender a escala de abates por até duas semanas. Nos frigoríficos menores, a escala é suficiente para abates até, no máximo, o inicio da semana que vem. Com o aumento da oferta, a indústria segue tentando negócios abaixo do preço de referência, com propostas de até R$94,00/@ à vista. No sul de Goiás, segundo analistas da consultoria, com o aumento da oferta de animais, compradores paulistas que atuam naquela região estão ofertando R$88,00/@ a prazo, sem imposto, R$2,00 abaixo da referência. No mercado futuro, começam a ser negociados contratos com vencimento para janeiro. Outubro ainda concentra a maioria dos contratos, são mais de 4 mil negociações, avaliados a R$100,22, recuo de 0,49%. Fonte: DBO. Por Monica Costa. 15 de setembro de 2011.
<< Notícia Anterior Próxima Notícia >>
Buscar

Newsletter diária

Receba nossos relatórios diários e gratuitos


Loja

Facebook