• Segunda-feira, 4 de julho de 2022
  • Receba nossos relatórios diários e gratuitos
Scot Consultoria

Alta da arroba deve se manter por dois anos, prevê consultor da Scot


Quarta-feira, 22 de junho de 2011 - 17h15

Até lá, o rebanho deve retomar a oferta “O ciclo pecuário costuma ter oito anos, em média, e já estamos em uma fase de alta há um bom tempo”, complementa o zootecnista e diretor da Scot Consultoria, Gustavo Aguiar. Ele explica que as perspectivas para os preços neste segundo semestre são positivas. “Em pouco mais de um mês os preços devem voltar a subir de forma firme e controlada”, projeta. Para ele, atual queda da arroba é uma questão sazonal, que tem como fatores o menor consumo e o aumento da oferta. “O produtor vai ganhar menos do que no ano passado, mas este ano vai ser remunerador, especialmente para quem já tem gado e não vai precisar comprar”, diz. Ele explica que os valores estão passando por um ajuste depois da alta de 2010. Levantamento da consultoria mostra que, nos últimos dez anos, o preço da arroba passou de R$40,33 em 2001 para os atuais R$97,50, incremento de 141%. Entretanto, o gasto com insumos para formação de um hectare de pastagem subiu 190% na última década e passou de R$288 para R$837, considerando-se apenas sementes, fertilizantes e herbicidas. Em 2001, era preciso produzir 7,1 arrobas para pagar o custo de um hectare. Dez anos depois, é preciso produzir 8,4 arrobas para arcar com o valor, incremento de 18%, diz Aguiar, que atribui o incremento à inflação. Fonte: DBO. 22 de junho de 2011.
<< Notícia Anterior Próxima Notícia >>
Buscar

Newsletter diária

Receba nossos relatórios diários e gratuitos


Loja

Facebook