• Quinta-feira, 20 de junho de 2019
  • Receba nossos relatórios diários e gratuitos
Scot Consultoria

Como e onde tem crescido a pecuária leiteira na região Centro-Oeste


Segunda-feira, 25 de novembro de 2013 - 16h55

por Juliana Pila

Zootecnista, formada pela Universidade Estadual Paulista - UNESP, Câmpus de Jaboticabal-SP. É analista e consultora de mercado da Scot Consultoria. Pesquisadora de mercado nas áreas de boi, leite e grãos. Atuação nas áreas de análises, estabelecimento de cenários, estratégias de mercado, realização de projeções de preços, oferta, demanda, análises setoriais e pesquisa de opinião e imagem. Ministra aulas, palestras, cursos e treinamentos nas áreas de mercado de leite, boi, frango, suíno e assuntos relacionados à agropecuária em geral.


Segundo a Pesquisa da Pecuária Municipal (PPM) do Instituo Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a região Centro-Oeste foi responsável por 14,9% do leite produzido em 2012 no Brasil, 4,18 milhões dos 32,3 bilhões de litros de leite produzido em todo o país.



Goiás, 4º maior produtor de leite brasileiro, foi o estado mais produziu na região Centro-Oeste, com significativos 3,54 bilhões de litros de leite, ou seja, 73,6% da produção da região e 11,0% do Brasil.


O crescimento no estado ao longo de 13 anos, de 2000 a 2012, foi próximo ao aumento da produção nacional, sendo 38,1% em Goiás e 38,8% no Brasil.


Evidenciava-se uma diminuição na produção de leite em algumas regiões do estado em 2012, principalmente no Sul de Goiás, devido principalmente, a competição da atividade leiteira com a cultura da cana-de-açúcar.


Porém, nos últimos dois anos a produção de leite vem crescendo o dobro da média do resto do país, demonstrando uma possível alavancada da atividade no estado. 



O Mato Grosso do Sul, 13° maior produtor de leite brasileiro, teve uma produção em 2012 de 524,71 milhões de litros, 1,6% do leite do Brasil e 10,9% do leite do Centro-Oeste.


A produção no estado é muito bem distribuída, com exceção da região do Pantanal.


O rebanho leiteiro no estado é pequeno. Do total, apensa 2,4% são vacas leiteiras.


O estado que, historicamente, cresce menos que outras regiões do Brasil, obteve um crescimento de 2011 para 2012 de 0,6%, o mesmo da média brasileira.


A produção de leite no Mato Grosso, 8º maior produtor de leite brasileiro, foi de 722,3 mil litros, 2,2% da produção brasileira e 15,0% do Centro-Oeste.


A região Norte mato-grossense, onde estão os municípios de Terra Nova, Colíder e Alta Floresta, é a maior produtora de leite do estado com 280,4 milhões de litros, representando 38,8% da produção total do estado.


Outra região que se destaca, é a Centro Sul, onde estão as maiores regiões metropolitanas do estado, como, por exemplo, Cuiabá. Lá obteve-se decréscimo de 49,2% na produção de leite de 2000 até 2012.


O Distrito Federal, que não possui vocação na produção agropecuária, teve 24,6 milhões de litros, queda de 47,6% de 2000 a 2012.



Colaborou Fernando Giglio, zootecnista em treinamento pela Scot Consultoria. 


<< Notícia Anterior Próxima Notícia >>

Buscar
Scot - Facebook Leite
 
Scot - Facebook Scot - Twitter Scot - Youtube Scot - Instagram Scot - Rss Scot - Linkedin

Newsletter diária

Receba nossos relatórios diários e gratuitos



TV Scot

Podcasts



Loja

Facebook





  • Copyright 2019, Scot Consultoria, Rua Coronel Conrado Caldeira, 578 • Bebedouro - SP - Brasil - 14701-000 | +55 17 3343 5111