• Quinta-feira, 11 de agosto de 2022
  • Receba nossos relatórios diários e gratuitos
Scot Consultoria

Mercado de reposição encerra abril em ritmo lento


Quarta-feira, 6 de maio de 2020 - 05h55

Foto: Scot Consultoria


Diante da pressão de baixa observada no mercado do boi gordo, devido à demanda fraca por carne bovina no mercado interno, em função das medidas de contenção do coronavírus, abril foi marcado por poucas movimentações no mercado de reposição. 


Com a proximidade do período seco do ano, a retenção dos animais no pasto fica comprometida, o que tende a fazer com que os vendedores se lancem aos negócios com menor resistência, fato que deixa as cotações mais frouxas. 


No balanço mensal, na média de todas as categorias de machos e fêmeas anelorados e estados pesquisados pela Scot Consultoria, as cotações dos animais de reposição caíram 1,0%. 


No curto prazo, os recriadores e invernistas devem aumentar a procura por reposição para fazer a troca, em função do maior volume de venda de boi gordo, com a desova de final de safra. 


No entanto, o pecuarista que está fazendo a troca atualmente se depara com um cenário de queda no poder de compra.


Análise originalmente publicada no informativo Boi & Companhia, edição 1388.



<< Notícia Anterior Próxima Notícia >>

Buscar

Newsletter diária

Receba nossos relatórios diários e gratuitos


Loja

Facebook